Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

13 resoluções para 2017

31.12.16 | André

2016 está a terminar, 2017 está à porta, e é altura certa para um balanço dos últimos 366 dias e projetar os próximos 365.

2016 foi um ano de mudanças, foi o ano zero em algumas áreas da minha vida. Mudei de casa, de cidade e lancei as bases para um projeto pessoal. Estas mudanças têm o mesmo propósito, foram muito pensadas e com uma grande crença que serão um sucesso.

 

Em 2015 fiz 2 perguntas, "como é que eu me vejo daqui a 10 anos?", "quando morrer, como é que quero ser recordado?", as respostas encaminharam-me para as mudanças que coloquei em prática durante 2016. Está prometido um post, em que partilharei os detalhes destas mudanças.

Há precisamente 1 ano atrás, defini os objetivos para 2016:
a) Fazer meditação regularmente ;
b) Iniciar a prática de yoga ;
c) Continuar a prática de biodanza - pratiquei até à minha mudança de cidade;
d) Não consumir açúcar refinado ;
e) Consumir de uma forma ainda mais frequente alimentos produzidos organicamente ;
f) Mudar-me para o Alentejo (atualmente moro em Lisboa) ;
g) Concretizar o arranque do meu projeto pessoal ;
h) Praticar exercício físico regularmente - devido às ainda pequenas perdas de sangue, obtei por deixar cair este objetivo;
i) Continuar (com a vossa ajuda) a partilhar as minhas experiências no blog .
2017.jpg

 

Á semelhança do ano passado, voltei a definir objetivos mensuráveis para 2017, que dependessem em grande parte de mim, alguns dos quais gostaria de partilhar:

a) Aumentar a frequência da prática de meditação para 5/6 vezes por semana;
b) Praticar yoga regularmente;
c) Continuar sem consumir açúcar refinado;
d) Não consumir carnes vermelhas, nem processadas;
e) Gradualmente deixar de consumir arroz (branco), massas (brancas), e pão branco;
f) Ter 15 minutos diários (sozinho) para poder contemplar, sobretudo a natureza;
g) Ter pelo menos 1 hora por dia de atenção plena (desligar o piloto automático);
h) Fase 1 do meu projeto pessoal, iniciar a plantação;
i) Praticar exercício físico regularmente;

j) Contribuir para aumentar a auto-estima dos meus filhos;
k) Contribuir para melhorar o dia de pelo menos uma pessoa em cada um dos próximos 365;
l) Continuar (com a vossa ajuda) a partilhar as minhas experiências no blog.

Também pretendo em 2017 encontrar uma real paz interior, talvez não seja muito mensurável, mas terei o barómetro dos meus filhos e aí poderei avaliar o meu grau de tranquilidade.

Obrigado a todos os que têm contribuído para o meu crescimento e do blog, desejo-vos um extraordinário ano de 2017, com muita saúde, harmonia e amor!!!

Medicação - Dezembro 2016

29.12.16 | André

Este mês alterei a medicação que estou a tomar, e aparentemente está a surtir efeito.

 

- Infliximab 10mg/Kg (tratamento biológico de 8 em 8 semanas);

- 4,5g salofalk grânulos;

- 1 entocort enema / dia;

- 3 cápsulas de Ómega-3 (Opti3);

- 5000iu / dia suplemento Vitamina D;

- 3x dia 10 gotas Podophyllum Compositum (homeopático);

- 1 ampola /dia Mercurius Solubilis (homeopático);

- 1 ampola /dia Mucosa Compositum (homeopático).

opti3.jpeg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Guardar

Piloto automático de férias

25.12.16 | André

Quando observamos as pessoas nesta quadra, vemos que a maioria e em grande parte do seu tempo, desligaram o seu piloto automático.

 

feliz_natal.jpg

 

É uma altura do ano, em que somos mais tolerantes, mais disponíveis para ajudar, estamos mais gratos, temos votos sinceros de paz, amor, partilha,...para os que mais amamos e para todos de uma forma geral.

 

 

 

 

Acredito que falo pela maioria, e uma boa forma de lançar 2017, seria que este sentimento que nos invade nesta quadra, se pudesse estender ao longo do próximo ano, e que o piloto automático tire umas férias prolongadas, e que estejamos mais presentes em cada simples momento das nossas vidas.  .

 

 

Guardar

A magia do Pai Natal

24.12.16 | André

Hoje é o dia do Pai Natal, é um dia mágico sobretudo para as crianças. Quando há 3 anos atrás me vesti pela primeira vez de Pai Natal, para distribuir os presentes pelos mais pequenos da minha família, nunca pensei que isso iria mudar a minha vida e do meu filho Francisco.

 

Quando os meus filhos descobriram (há 2 anos atrás) que o Pai Natal era apenas o próprio pai, pensei que terminaria ali a minha viagem pelo mundo do Senhor das barbas brancas, mas não, foi a partir dali que a minha relação com eles mudou. Ali consegui entrar no mundo deles, e não voltei a sair, agora e sobretudo nesta altura, as nossas conversas vão tocar no Pai Natal, nas renas, nos anões que fazem os presentes, como é andar no céu com as renas, como distribuo os presentes pelos meninos,...é lindo o mundo aos olhos de uma criança.

 

Pai-Natal-1.jpg

 

Oh oh oh...hoje há magia no ar!

 

A todos um Feliz Natal, com muita saúde!

Guardar

Guardar

Monkey mind

22.12.16 | André

Mingyur Rinpoche, ensina-nos como podemos meditar a todo o instante e em qualquer lugar,... quando estamos a andar, a beber uma chávena de chá, numa reunião...

monkey_mind.jpg

 

 

Todos temos um macaco na cabeça, que está sempre a falar..., o segredo é alimentá-lo de forma correta e não é com bananas.

 

 

 

 

 

A respiração que é uma das âncoras da meditação, pode ser utilizada para acalmar o macaco, e é descrita neste video:

Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=n6pMbRiSBPs 

 

Mas o que é isto?

21.12.16 | André

A 29 de Julho de 2015 após uma colonoscopia, apareceu-me um pouco de sangue, até é algo normal, o que deixa de ser normal é que 509 dias depois, mais de 10 tratamentos biológicos depois, n medicamentos alternativos depois, 2 colonoscopias depois, várias alterações alimentares depois,...continue a perder sangue.

analisesDEZ2016.jpg

A tendência dos últimos meses era animadora, visualmente com melhorias significativas e as análises dentro dos parâmetros normais para um adulto. Este mês repeti as análises, que mostram uma inversão da tendência (juntamente com o mês anterior), diminuição da hemoglobina (pode provocar anemia) e glóbulos vermelhos.

 

Mas o que é isto?

A medicina não tem uma justificação para este período tão prolongado de perda de sangue, e a cada dia que passa tenho menos dúvidas que a cura está dentro de mim, e não em factores externos, os quais podem ajudar a melhorar, mas ainda não curam!

1 resultado, n causas, 1 estado

16.12.16 | André

Em Fevereiro de 2016, apresentava valores insuficientes (19,6ng/ml) de vitamina D. Em Junho e após 4 meses a tomar um suplemento de Vitamina D,  repeti as análises a esta vitamina e os resultados confirmaram que os valores tinham entrado dentro dos parâmetros normais e considerados suficientes.

 

Este mês, e passados 6 meses, voltei a repetir a análise e o resultado é nova  insuficiência (18,5ng/ml). Está na hora de recomeçar a suplementação desta vitamina.

vitaminD_dez2016.jpg

É sempre bom recordar, que esta hormona regula o funcionamento do sistema imunitário que perante a sua deficiência pode perder a sua capacidade de detetar corretamente as células que pertencem e as que não pertencem ao seu organismo e pode desencadear um processo de agressão contra células e tecidos da própria pessoa, agravando assim as doenças auto-imunes, como são as DII.

 

O resultado desta análise, pode explicar em grande parte a maior perda de sangue que tenho verificado nos ultimos tempos e com isso a baixa dos valores da hemoglobina que pode provocar anemia.

 

Referências: