Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vencer a Colite

Criança, adolescente, jovem, desportista, saudável. Aos 22 anos fui diagnosticado com colite ulcerosa, e agora?

Vencer a Colite

Criança, adolescente, jovem, desportista, saudável. Aos 22 anos fui diagnosticado com colite ulcerosa, e agora?

Qua | 31.05.17

Day after

André

Ontem quando cheguei ao hospital de Santa Maria para fazer mais uma colonoscopia, foquei a saber que a médica que me acompanha estava doente e não seria ela a realizar o exame. Tinha preferência que fosse a minha médica, porque conhece o meu historial, mas tudo bem...um pequeno atraso em relação à hora marcada para o exame e lá me chamaram.

 

Deito-me na maca e a enfermeira pica-me o braço para me poder injetar a sedação,...não foi à primeira, nem à segunda foi à terceira tentativa e lá se deu inicio ao exame. Como eu estava completamente acordado, perguntei quando é que me davam a sedação, ao que me responderam que já tinham dado, hum...nas vezes anteriores adormeci antes de começar o exame, como é que me já tinham dado? E lá injetam novamente a sedação e eu completamente acordado, o que é que se está a passar? - interroguei-me.

 

Como acabei por fazer o exame completamente acordado, consegui ver em tempo real o meu intestino, e gostei do que vi, continuo com pequenos pontos de inflamação entre os 40 e 50cm do intestino, mas não é a totalidade destes 10 cm.

Agora posso olhar para este resultado, como um copo meio cheio ou meio vazio, claro que queria ter visto o intestino sem sinais alguns de inflamação, mas como esta inflamação já vem de longe e só eu sei o que tenho passado nos últimos anos, este pequeno progresso deixa-me imensamente satisfeito e é um sinal que tenho tomado algumas boas decisões, sobretudo relativamente à alimentação, suplementos alimentares e mentais.

 

resultado_colon2017.jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.