Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vencer a Colite

Criança, adolescente, jovem, desportista, saudável. Aos 22 anos fui diagnosticado com colite ulcerosa, e agora?

Vencer a Colite

Criança, adolescente, jovem, desportista, saudável. Aos 22 anos fui diagnosticado com colite ulcerosa, e agora?

Qui | 27.08.20

Porque escolhemos não ver?

André

Por vezes sinto-me perdido neste mundo de constante informação e contra-informação. Sinto saudades de ser criança, de ter pouca consciência dos problemas, de sonhar sem os limites que a sociedade nos impõe pelas regras, pelo socialmente correto, por…, por …

 

As orientações médicas focam-se na medicação e nos sintomas, e pouco nas causas ou no que pode contribuir para reduzir esses sintomas.

 

Nota-se alguma resistência a olhar para os estudos que mostram que uma alimentação saudável, exercício físico, evitar a obesidade ou meditação, podem contribuir para prevenir muitas doenças e melhorar a qualidade da nossa vida.

No caso o cancro a Organização Mundial de Saúde reconhece a validade de muitos estudos científicos que apontam para que 40% dos casos de cancro poderiam ser evitados com alterações do estilo de vida.

 

Porque só após um diagnóstico estamos dispostos a fazer alterações na nossa vida?

É mais fácil mudarmos para fugir da dor, do que à procura do prazer.

NotSee.jpg

@Unsplash, Ryoji Iwata 

 

Entre Março e Maio devido à pandemia espacei o tratamento biológico com vedozulimab de 4 para 7 semanas e apesar de um período mais prolongado sem a medicação habitual, a inflamação do meu intestino (análise à calprotectina) reduziu mais de 50%.

Neste período estava a tomar um suplemento de ómega-3 e vitamina-D, será que ajudou na desinflamação?

 

Referências:

  1. Division of Gastroenterology, Massachusetts General Hospital and Harvard Medical School. Long-term intake of dietary fat and risk of ulcerative colitis and Crohn's disease. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23828881
  2. Cochrane Library. Omega 3 fatty acids for maintenance of remission in ulcerative colitis. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/17636844/
  3. National Library of Medicine. Essential fatty acids in health and chronic disease. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/10479232
  4. Normalization of plasma 25-hydroxy vitamin D is associated with reduced risk of surgery in Crohn's disease; Massachusetts General Hospital, Boston. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23751398
  5. Protective links between vitamin D, inflammatory bowel disease and colon cancer; Department of Comparative Medicine, University of Washington. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26811638
  6. Association Between Inflammatory Bowel Disease and Vitamin D Deficiency: A Systematic Review and Meta-analysis. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26348447
  7. The importance of vitamin D in the pathology of bone metabolism in inflammatory bowel diseases. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26528347
  8. The Role of Vitamin D in Cancer Prevention. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1470481/?tool=pubmed
  9. World Cancer Research Fund, Cancer Prevention Recommendations. Disponível em: https://www.wcrf.org/dietandcancer/cancer-prevention-recommendations

2 comentários

Comentar post